O guia definitivo para congelar alimentos e refeições

AdobeStock_128087587_299

Hoje em dia é muito prático ter em casa alimentos congelados ou refeições prontas a usar ou a cozinhar, mantendo um aporte nutricional equilibrado.

Tipo de Congelador
Se o seu congelador tiver até 3 estrelas só dá para conservar os alimentos já congelados, se tiver 4 estrelas permite congelar e conservar.

Recipientes
Escolha recipientes próprios para alimentos e resistentes a temperaturas negativas como sacos herméticos, caixas de vidro temperado ou de plástico, com tampa.

Alimentos
Certifique-se de que os alimentos são frescos e estão em boas condições. As frutas devem ser descascadas, cortadas em pequenos pedaços ou em puré e armazenadas em sacos, caixas, ou cubinhos de gelo. As verduras depois de limpas devem ser fervidas em água durante 2 a 3 minutos e depois passadas por água fria antes de serem colocadas no congelador. As massas podem ser congeladas cruas ou semi preparadas. Os peixes devem ser escamados, limpos e eviscerados.

Preparar e congelar refeições
Planeie a ementa, faça uma lista e compre só o que precisa. Confecione de acordo com a receita. Não cozinhe demasiado os alimentos, uma vez que quando aquecer vai reiniciar o processo de cozedura. Tenha atenção aos temperos, o sal e ervas aromáticas devem ser adicionados quando aquece os alimentos. Prepare pratos e acompanhamentos e congele em separado, para poder usar quando precisar. Pode preparar a sopa do seu bebé para toda a semana e juntar-lhe a carne ou o peixe quando aquecer. Após a cozedura deixe arrefecer, nunca armazene o alimento quente no congelador. Divida os alimentos e refeições em pequenas quantidades para facilitar a descongelação. Se o alimento for um líquido, escolha uma caixa de plástico rígido, não encha até acima, deixe cerca de 2 a 3 cm até ao rebordo do recipiente. Tape bem e retire o ar. Coloque uma etiqueta com o nome do alimento, data de produção e de validade.

Tempo de congelação

  • Frutas e legumes – 6 a 12 meses
  • Carnes magras – 10 meses
  • Queijos de pasta mole ou semi-mole – 8 meses
  • Peixes magros e meio gordos, massa, bolachas e crepes – 6 meses
  • Massa crua – 2 meses

Descongelar em segurança
Para descongelar, coloque os alimentos no frigorífico durante algumas horas, assim perdem menos água e mantêm o sabor. No caso de verduras ou de peixe, pode cozinhá-las diretamente sem descongelar. O pão descongela bem em temperatura ambiente. Uma vez descongelado o alimento, não deve voltar a congelar para que mantenha a suas propriedades.

Filomena Borges, Nutricionista. Membro da Ordem dos Nutricionistas nº0649N.
Colaboração com Dietética e Nutrição da ESTeSL.