No inverno, a hidratação é menos importante? Não!

No inverno, a hidratação é menos importante? Não!

A ingestão adequada de água proveniente de alimentos e bebidas é de 2L para mulheres e 2,5L para homens, aplicando-se igualmente para os idosos. Esta recomendação é válida para climas moderados e na prática de atividade física, pelo que é sempre importante avaliarmos as nossas rotinas e em que medida elas afetam a nossa perda diária de água. Necessita de menos água em ambientes onde transpira pouco, sendo o contrário igualmente válido.
No inverno as necessidades de hidratação são muitas vezes subestimadas. Embora as percas de água pela transpiração possam ser baixas, o uso de várias camadas de roupa ou de roupa impermeável durante o exercício físico podem levar a maiores perdas de suor. Também em ambientes frios e secos, é normal a perda de água através da respiração. A água é essencial para praticamente todas as nossas funções corporais. Quando existe perda de peso por desidratação, verificam-se reduções da performance física e cognitiva, alterações da termorregulação e da função cardiovascular, sendo que a perda de mais que 10% da água corporal pode ser fatal. Desportistas, mães que amamentam, crianças e idosos encontram-se no grupo de risco de desidratação.
Deve ser tido em conta que nos idosos a capacidade de concentrar a urina está diminuída, bem como a diminuição da sensibilidade à sede. Para rapidamente identificar o seu estado de hidratação deve tomar atenção a – existência de sede, cor da urina e eventual perda rápida de peso. O consumo de água pode ser feito através de diferentes fontes que incluem água potável, bebidas e o centeúdo de água dos alimentos. Algumas estratégias rápidas para manter um bom estado de hidratação passam pela ingestão de alimentos ricos em água (frutas e hortícolas), consumo de sopa às refeições principais e a garantia de ingestão de água, ou outra bebida simples (sem adição de açúcar) ao longo do dia.
Se necessário, consulte um dietista ou nutricionista para o estabelecimento de um plano de hidratação, em especial se faz parte de grupo de risco. Mantenha-se hidratado no inverno! Vá de encontro às recomendações de hidratação e tenha em conta os sinais de alerta de desidratação.

Joana Pardal, Nutricionista Jumbo.
Membro da Ordem dos Nutricionistas nº 1636N.