Programa Alimentação Saudável

Trigo-sarraceno com assado da horta

Receitas Jumbo

Trigo-sarraceno com assado da horta

Se ainda fossem precisas provas de que o Vegan é repleto de diferentes combinações e sabores, aqui estava mais uma.

Jumbo e Chef Alexandra Mendes Ribeiro

Nutrição

Energia (kcal): 344

Lípidos (g): 7

Saturados (g): 1

Hidratos de Carbono (g): 47

Açúcares (g): 8

Fibra (g): 12

Proteínas (g): 17

Sal (g): 1,3

Preparação

Tempo Menos de 1 hora

Quantidade 4 pessoas

Dificuldade Fácil

Preparação

  1. 1

    Pré-aqueça o forno entre 180 a 200°C.

  2. 2

    Descasque a beterraba e corte aos quadrados médios, as chalotas em 4.

  3. 3

    Lave em água corrente os cogumelos, limpe bem e corte em metades.

  4. 4

    Adicione num tabuleiro as chalotas, a beterraba e os cogumelos. Tempere com 1 colher de chá de azeite, a malagueta às rodelas, ervas provence, 1 colher de café de sal e o açúcar mascavado. Envolva e asse por 25 minutos.

  5. 5

    Passe o trigo-sarraceno por água corrente.

  6. 6

    Coloque uma panela a água e o alho picado e o sal, leve ao lume deixe levantar fervura, adicione
    o trigo-sarraceno, cozinhe por 10 a 12 minutos em lume médio. No final adicione os coentros e envolva com 1 garfo.

  7. 7

    Leve 1 wok ao lume, adicione 1 c. chá de azeite, adicione o grão, os espinafres e salteie em lume brando por breves minutos. Tempere com as ervas provence, cebolinho e envolva.

Dica do nutricionista

O trigo-sarraceno, apesar de se parecer com um cereal, é uma semente de uma planta. Pode ser consumido como grão ou farinha. Apresenta vários benefícios para a saúde, fornecendo fibra, manganês, magnésio, cobre, vitamina B6, ácido pantotênico, niacina, folato, tiamina e colina. É uma opção para pessoas com a doença celíaca, pois não contém glúten.

Trigo-sarraceno com assado da horta
Programa Alimentação Saudável

Trigo-sarraceno com assado da horta

Se ainda fossem precisas provas de que o Vegan é repleto de diferentes combinações e sabores, aqui estava mais uma.

Jumbo e Chef Alexandra Mendes Ribeiro

Nutrição

Energia (kcal): 344

Lípidos (g): 7

Saturados (g): 1

Hidratos de Carbono (g): 47

Açúcares (g): 8

Fibra (g): 12

Proteínas (g): 17

Sal (g): 1,3

Preparação

Tempo Menos de 1 hora

Quantidade 4 pessoas

Dificuldade Fácil

Ingredientes

  • 160g

    trigo-sarraceno

  • 2 chávenas

    água tépida (360 ml)

  • 1

    beterraba pequena

  • 4

    chalotas

  • 400g

    folhas de espinafres

  • 400g

    cogumelos shitake

  • 320g

    grão de bico cozido

  • 1

    malagueta pequenina

  • q.b.

    coentros picados

  • q.b.

    cebolinho picado

  • q.b.

    ervas provence

  • 1

    dente de alho picado

  • 1 c. de café

    sal marinho

  • 1 c. de sopa

    açúcar mascavado

  • 1 c. de sopa

    azeite

  • Para comprar online todos os ingredientes desta receita, clique aqui

Preparação

  1. 1

    Pré-aqueça o forno entre 180 a 200°C.

  2. 2

    Descasque a beterraba e corte aos quadrados médios, as chalotas em 4.

  3. 3

    Lave em água corrente os cogumelos, limpe bem e corte em metades.

  4. 4

    Adicione num tabuleiro as chalotas, a beterraba e os cogumelos. Tempere com 1 colher de chá de azeite, a malagueta às rodelas, ervas provence, 1 colher de café de sal e o açúcar mascavado. Envolva e asse por 25 minutos.

  5. 5

    Passe o trigo-sarraceno por água corrente.

  6. 6

    Coloque uma panela a água e o alho picado e o sal, leve ao lume deixe levantar fervura, adicione
    o trigo-sarraceno, cozinhe por 10 a 12 minutos em lume médio. No final adicione os coentros e envolva com 1 garfo.

  7. 7

    Leve 1 wok ao lume, adicione 1 c. chá de azeite, adicione o grão, os espinafres e salteie em lume brando por breves minutos. Tempere com as ervas provence, cebolinho e envolva.

Dica do nutricionista

O trigo-sarraceno, apesar de se parecer com um cereal, é uma semente de uma planta. Pode ser consumido como grão ou farinha. Apresenta vários benefícios para a saúde, fornecendo fibra, manganês, magnésio, cobre, vitamina B6, ácido pantotênico, niacina, folato, tiamina e colina. É uma opção para pessoas com a doença celíaca, pois não contém glúten.